Fixos: +55 11 38982504 / +55 11 25971401

Cels:   +55 11 63186751 / +55 11 72830717

Todos os direitos reservados a Titina Corso Artísta Plástica.

Titina Corso é Artista Plástica, Poetisa, Fotógrafa, Professora de Artes Plásticas, Conservadora e Restauradora especialista em Arte Sacra, Pedagoga especialista em brinquedos educativos e educação especial.

Estudou Belas Artes no início dos anos 80 na Escola Nacional no Rio de Janeiro, incontáveis cursos de especializações artísticas e utilização de seus materiais, com grandes mestres das artes do cenário Nacional e Internacional. Frequentou cursos no Parque Lage no Rio de Janeiro. Estudou também com mestre Vitorino, artista português porcelanista que introdiziu materiais e técnicas da pintura sobre porcelana no Brasil. Manteve na Ilha do Governador, um Atelier-Escola, frequentado por diversos alunos, para diversas técnicas - Desenho, Óleo sobre Tela, Acrílico sobre Tela, Porcelana, Madeira, Encáustica, de onde muitos saíram com premiações nas artes. Em 93, faz especialização em retratação com o renomado artista Iraniano - Said Ahmad e com o qual trabalha posteriormente como artista contratada na restauração da Mesquita do Brás em São Paulo em 2001.



Em Novembro de 1993 toma posse na Academia de Letras e Artes de Paranapuãn (ALAP) fundada pelo escritor Albene Fagundes de Araújo - Presidente idealizador-fundador em homenagem a Ilha do Governador, local histórico do Rio de Janeiro, considerada Utilidade Pública sob a Lei nro 1644 de 27/12/1990, no Auditório da Academia Brasileira de Letras, tendo como Presidente de Honra Austregésilo de Ataíde, ocupa a cadeira nº 19, sob patronímica de Antônio Parreiras, recebe duas Moções Culturais pela Câmara Municipal do Rio pelos trabalhos prestados à cultura, estabelecendo-se desde então como Assessora Cultural da Academia, sob a Presidencia atual da ALAP de Eliane Mariath Dantas.

Em 1996, é selecionada por convite da União Católica dos Artistas Italianos para expor seus trabalhos na Galeria La Pigna propriedade da administração do Vaticano em Roma - Itália, uma de suas obras neste evento passa a integrar o acervo artístico do Vaticano, a obra intitula-se "Só Cristo". Tem contato por esta ocasião com diversos expoentes da arte Italiana, incluindo Monsenhor Tiani, sendo alvo de críticas positivas do Crítico de Arte Maximo Giraldi e da RAI Italiana, ainda sob as atividades artísticas propostas por este evento, tem contato com obras de restauro em painéis, pinturas e construções que aconteciam em toda a Roma, encantada com as possibilidades de interagir com a preservação e restauro de obras de arte, busca aprimorar mais seus conhecimentos artísticos também para a especialização em Conservação e Restauração - profissão ainda não regulamentada infelizmente no Brasil , participa também da formação Especialista Técnico em Conservação e Restauro de Arte Sacra (2008), pelo Centro Técnico Templo da Arte, no Ipiranga em São Paulo. No mesmo ano de 1996, viaja para a África do Sul para integrar a comissão de artístas que reinaugura o Museu de Roodepoort e recebe a Medalha de Prata Artística Internacional.

Em 1997, transfere sua moradia para o Estado de São Paulo, desde então atuando na área Cultural e Artística deste Estado, onde atua na área docente das artes, produzindo ainda inúmeros trabalhos artísticos, em seu Atelier onde ministra aulas de desenvolvimento para profissionais da área e desenvolve seus projetos de arte bem como as de restauro até a data atual.

Em 2000, expõe em Paris - Galeria Everarts na comemoração "Brèsil 500 ans" e no Líbano onde recebe a Medalha de Ouro artística Internacional. É convidada a dedicar-se também em São Paulo a pesquisa de materiais para a Licyn - Utti Gutti e a algumas colunas jornalísticas para o Jornal Novas Técnicas e da Revista Contemporânea de Arte.

Em 2010, especializa-se em Pedagogia na Faculdade Sumaré, por manter um elo íntimo com a aducação no desenvolvimento de Brinquedos e Materiais de apoio pedagógico, desenvolve sua pesquisa acadêmica na construção educacional parceira em meios tecnológicos, apontando o jogo virtual "Farmville" aplicativo do Facebook como fonte de pesquisa e sua utilização educativa paralela com as experiências do mundo real. Volta-se para este tema por observar o uso da tecnologia tão presente nos tempos atuais tanto no campo educativo como no campo artístico.

Titina como palestrante na Faculdade Sumaré - Seminário de Matemática


Em 2011, participa do Circuito Internacional de Arte Brasileira que percorre a Áustria, Évora, Madri e Belo Horizonte. Em Évora desenvolve ainda mais seus conhecimentos artísticos em um curso de extensão em Artes Plásticas - Desenvolvimento da cor, na Universidade de Évora. É ainda através deste curso que tem um de seus trabalhos desenvolvidos dentro da , selecionado para aderir ao Projeto Utopia Azul.

Na gestão da Prefeita Marta Suplicy em São Paulo se engaja em movimento para a aprovação de projeto para a formação de um centro cultural e educacional público na região da sub-prefeitura de Pinheiros, junto a diversos amigos e companheiros de atividades artísticas, o projeto é aprovado e comemorado, porém como todo filho caminha sozinho este depois de um tempo tem suas bases culturais e educativas alteradas das que foram apresentadas em projeto. Atualmente funciona no local a Praça Vitor Civita.

Em seu trabalho fotográfico volta olhares na natureza, em folhagens e flores menos observadas, para a presença humana e seus movimentos na vida cotidiana e cultural, texturas e para a beleza poética do momento não falado. É também poetisa, com diversas poesias encartadas em Antologias Nacionais. Tem seus trabalhos artísticos catalogados e em diversas mídias disponíveis para pesquisa. É também mencionada como Destaques e Personalidades no livro São Paulo 450 anos - Sua História e seus Monumentos do IBB - Instituto Biográfico do Brasil.

Continua atuante no cenário artístico cultural Brasileiro e Internacional. Tomando posse em 2009 na Academia Lusófona de Letras (ACLAL), em Castro D´Aire - Portugal, tendo exposto suas obras nos mais tradicionais locais culturais deste País.

Tem algumas de suas obras em Museus e Casas de Cultura Nacionais e Internacionais, como:

Galeria da Administração do Vaticano - Roma - Itália; Sala Cultural da Universitè de Poitiers - França; Museu Maria da Fontinha - Castro D´Aire - Portugal; Pinacoteca da Câmara de Figueró dos Vinhos - Portugal e outros.


Luta pela Cultura e sua memória, pela educação através da cultura, é observadora e pesquisadora dos movimentos culturais brasileiros e das brincadeiras tradicionais.

Obra Acadêmica: "FARMVILLE" - O jogo Virtual gerando temas para a transdisciplinaridade.















Obras Litarérias: Antologias Nacionais da Academia de Letras e Artes de Paranapuã (ALAP)

Um pouco da minha história...